Feito à mão: picles de rabanetes

por Sal e Sol

20130710-082219.jpgDaquelas coisas que vocês só prova porque tem glamour envolvido, o rabanete. Pelo menos pra mim. Mas memórias a parte, eu pedi minha cesta de orgânicos essa semana e ela veio recheada com lindas folhas e um encantado maço de rabanetes que com a correria da semana foram ficando na gaveta e “perigando” passar dessa para uma pior. Salvo o sanduíche quente de salame, com rabanetes em fatias finas e mostarda ao mel, nada mais inventei para consumi-los. O que de fato é muito mais simples do que eu costumo pensar, apenas lavá-los e comê-los sentindo seu picante e crocante sabor como uma simples entrada ou acompanhando a salada.
Enfim, feriado a vista e muitos alimentos com risco de se perderem incluindo os rabanetes e pêras muito duras para o meu gosto, fiz das primeiras picles e das segundas um compota ao vinho do porto.

Vamos aos picles de rabanetes a la japonaise (daqui):

1 maço de rabanetes, lavados, sem talos e cortados em quatro ou em fatias
1 col. (sopa) de sal para salpicar e mais 1/4 de col. (chá) para a calda
1 col. (chá) Semente de mostarda
1/2 col. (chá) de pimenta-do-reino em grãos
3/4 de xíc. de vinagre de arroz
1/2 xíc. de água
1 col. (sopa) de açúcar refinado

1 vidro com tampa esterilizado

Corte os rabanetes em 4 pedaços, coloque-os em uma vasilha e salpique 1/3 do sal sobre eles. Cubra com água fria e deixe descansar na geladeira por 2 horas.
Aproveite para fazer a calda, para isso coloque em uma panela pequena os grãos de mostarda e pimenta para torrar por aproximadamente 2 minutos. Junte o vinagre, a água, o açúcar e o sal restante. Deixe ferver por aproximadamente 5 minutos em fogo médio. Retire do fogo e deixe esfriar.

Enxágüe os rabanetes, seque-os com papel toalha e coloque-os no vidro esterilizado. Despeje a calda sobre eles, tampe bem e guarde na geladeira por pelo menos um dia antes de comer