sal e sol

Tag: frango

Frango ao Limão Siciliano e Tomilho

photo

Frango definitivamente não é um prato que eu ame de paixão, ainda mais considerando esses terríveis frangos bombados e peitos de frango secos, grelhados e sem graça. Mas coxas e sobrecoxas de frango douradas e suculentas sempre parecerem tentadoras, quando não estão decepcionantemente sem gosto.

Galetos, Galinhas, Frangos, Codornas, Patos, Perus… todos podem ficar gostosos, mas para isso é necessário pensar no que é melhor, em termos de sabor, em cada um. No frango, sem dúvida, a coxa e sobrecoxa são as minhas partes prediletas e por isso compro as bandejinhas da Korin e faço sempre, sempre mesmo com um molho de iogurte e curry. Dessa vez resolvi fazer algo que Olívia conseguisse digerir e não me causasse chutes e socos a tarde inteira.

photo1

Frango ao Limão Siciliano e Tomilho (para dois, no meu caso três)

Marinada

  • 5 coxas de Frango
  • 3 col. (sopa) azeite
  • Suco e raspas de 1 limão siciliano
  • 3 dentes de alho descascados
  • 1 cebola cortada em 8 pedaços
  • sal e pimenta-do-reino moída na hora

E para assar

  • 1 limão siciliano cortado em 8 pedaços
  • 5 ramos de tomilho
  • 4 dentes de alho com casca
  • Batata doce cortada em pedaços médios

Antes de tudo lave as coxas de frango com água corrente e um pouco de suco de limão tahiti para tirar aquela melequinha fedida. Seque as coxas com um papel toalha e comece a preparação. Tempere-as com sal e pimenta do reino moída na hora.

Em um bowl ou tigela, acomode um saco plástico que caibam todas as coxas de frango. Coloque todos os ingredientes da marinada, misture um pouco para que tudo fique bem “besuntado”. Lacre o saquinho e leve a geladeira para deixar todos os sabores se incorporarem a carne do frango. Deixe marinando de 4 a 6 horas. Se quiser pode até deixar durante a noite para o almoço do dia seguinte.

Na hora de assar, pré-aqueça o forno a 200°C. Em uma forma anti-aderente coloque os pedaços de frango e regue com a marinada. Coloque na forma os dentes de alho e os pedaços de limão também. Asse por 50 minutos coberto com papel alumínio. Tire a assadeira do forno, retire o papel alumínio e coloque ao redor do frango os pedaços de batata doce. Asse até dourar e até que as batatas fiquem macias. Cuidado para não queimar ou tirar  com o frango cru por dentro. O cozimento completo deve durar 1h30 mais ou menos.

E como eu não resisto ao molho de iogurte fiz só um molhinho para a salda com o dito cujo, azeite, sal e pimenta-do-reino moída na hora. Ficou uma delícia!

 

Preparar, etiquetar e congelar

Cubos de fundo de legumes, com conselhos do Le Cordon Bleu

Lembram da carcaça do frango que desossei? Pois é, anda por aqui novamente. Emprestando seu sabor a fins muito especiais! Fundo, uma das técnicas básicas da culinária.

Foi umas das primeiras aulas da prof. Fátima, mas ainda não tinha feito como gostaria pois foi difícil encontrar o chinois (peneira cônica fina), assim como também foi escasso o tempo em casa!

A carcaça emprestando o seu sabor para um Fundo Claro de Ave

Não se pode esquecer de retirar toda a gordura antes de congelar

Essa semana resolvi colocar a mão na massa e tirar o atraso de alguns treinamentos.  Fazer o Fundo de Claro de Frango e um Fundo de Legumes foi realmente libertador, pois é o substituto ideal para os caldos industrializados que nunca comprei desde que juntei com o noivo. Fazê-los não é nada absurdamente trabalhoso, só precisa de paciência tanto cozinhando quanto esperando para remover a gordura que não consegui escumar enquanto ainda fervia. Depois é só esperar congelar e tcharan: O resultado me deixou muito contente, pois agora o freezer está cheio de base para muitas coisas.

Seguindo, também, as instruções do Todas as Técnicas Culinárias, do Le Cordon Bleu, após limpar bem a gordura no fundo de ave, congelei em forminhas de gelo e transferi para um pote maior. O que me possibilita usar quantidades menores sem ter que degelar tudo!